Alimentação na gravidez: quais temperos usar

cha_de_gravidez_alimentação_na_gravidez_temperos

Os temperos podem melhorar ou piorar a alimentação na gravidez

Manter uma boa alimentação na gravidez é essencial para a saúde da mamãe e o desenvolvimento do bebê. Porém, em meio a tantas opções de legumes, frutas e outros ingredientes, os temperos ficam um pouco esquecidos. 

Esses condimentos são importantes para deixar a refeição mais apetitosa. Contudo, enquanto alguns oferecem nutrientes, outros podem causar desconfortos, principalmente no organismo da grávida. 

No entanto, é importante lembrar que nenhum deles é completamente proibido. O que se deve fazer é evitá-los. Por isso, criamos uma listas com aqueles que devem ficar um pouco longe do prato e os que já podem ser mais frequentes na alimentação na gravidez.

Pimenta e outros temperos fortes

Pimenta, curry e gengibre são alguns temperos conhecidos por serem fortes. Na gravidez, eles não causam nenhum mal à saúde da gestante e do bebê. Entretanto, podem piorar alguns sintomas, como os enjoos, azia, refluxos e prisão de ventre

Isso acontece por conta dos hormônios e pelo tamanho aumentado do útero, que pressiona os outros órgãos. Assim, o sistema digestivo da grávida trabalha de forma mais lenta e tem mais dificuldade de digerir alimentos pesados e fortes. 

Alimentação da gravidez sem canela
A canela é um tempero considerado perigoso na gravidez

Canela na alimentação na gravidez pode?

A canela, principalmente na forma de chá, é conhecida por ser abortiva. O motivo está no fato de que esse tempero estimula a musculatura e, com isso, pode causar contrações uterinas. 

Entretanto, ainda não há estudos que comprovem que esse ingrediente causa aborto. O que existe é uma pesquisa americana que verificou que os filhos de gestantes que consumiram muita canela tinham mais propensão em ter déficit de atenção, hiperatividade e comportamento agressivo.

O consumo de pouca quantidade de canela e de forma rara pode não causar problemas. Todavia, é sempre melhor prevenir e evitar o condimento.

Sal

O sal deve ser consumido com moderação por todos, inclusive pelas grávidas. O excesso dele eleva a pressão arterial, o que pode ser um risco para o desenvolvimento da pré-eclâmpsia, umas das doenças mais graves na gestação. 

Temperos da alimentação da gravidez
Alguns temperos acrescentam nutrientes nas refeições

Os melhores temperos

Alguns temperos são aliados na saúde da futura mamãe. Então coloque nas refeições os seguintes condimentos:

Alho: auxilia na redução do colesterol e é um antioxidante e anti-inflamatório natural.

Cebola: ajuda a respiração e no controle da pressão arterial.

Limão: reduz os enjoos e melhora o funcionamento do sistema digestivo. Possui as vitaminas B e C, além de fibras, ferro, zinco, magnésio, potássio e cálcio.

Por fim, lembre-se sempre de tirar suas dúvidas sobre alimentação com seu médico e nutricionista. Eles saberão o que é mais recomendado para a sua condição de saúde.

Aqui abaixo nos comentários, deixe sua opinião sobre o nosso conteúdo. Também compartilhe com amigas grávidas.

1 Gostei
0 Não gostei

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *