Conheça como funciona a ovulação

Ovulação

O dia em que ocorre a ovulação é quando há mais chances de engravidar

Principalmente para as tentantes, conhecer o funcionamento da ovulação é essencial. Assim, haverá tentativas mais eficazes para engravidar, além de ser uma oportunidade para entender as mudanças que o organismo passa nesse período. 

Portanto, o primeiro fato a ser mencionado é o de que a ovulação é a liberação do óvulo pelos ovários. Isso acontece, em média, no 14º dia do ciclo menstrual (o primeiro dia é quando há a descida da menstruação). Contudo, como o ciclo varia para cada mulher –  de 23 a 35 dias – o dia da ovulação também pode ser diferente.  

Os hormônios envolvidos na ovulação

São dois os principais hormônios que estão presentes no processo da ovulação. O primeiro é o Hormônio Luteinizante (LH) que, quando ocorre o seu aumento no organismo, cerca de 24 a 36 horas depois o óvulo é liberado.

Ademais, há também o estrogênio, responsável por preparar o útero para uma possível gravidez. Com ele, aumenta o espessamento da parede do órgão. Quando não acontece a fecundação, esse revestimento é descartado, dando início à menstruação. 

Ovulação - janela fértil
Os óvulos duram apenas um dia, mas os espermatozoides conseguem sobreviver por cinco dias no corpo da mulher

A janela de fertilidade

Apesar de que o óvulo é liberado no 14º dia do ciclo, não é só nesse período que a mulher está fértil. O óvulo dura, realmente, apenas 24 horas, mas o espermatozoide consegue sobreviver no corpo feminino por 5 dias. Dessa forma, a chamada “janela de fertilidade” é de seis dias.

Com isso, recomenda-se que o casal mantenha relações nesses dias. Porém, não há a necessidade de serem diárias, apenas dias intercalados são suficientes. 

Como identificar a ovulação

Com já mencionado, os ciclos menstruais e, consequentemente, a ovulação, variam entre as mulheres. Algumas que possuem o ciclo curto, por exemplo, podem ovular poucos dias antes de menstruar.

Por isso, é importante conhecer outros sinais que o corpo produz no período fértil. Um deles é o aumento da secreção vaginal, com a aparência de clara de ovo e sem cheiro ou cor. Além disso, a libido aumenta e podem ser sentidas dores leves – como pontadas – nas laterais da barriga.

Também estão disponíveis no mercado alguns teste (como os teste de gravidez de farmácia) que revelam se a mulher está ovulando ou não.

Entretanto, existem problemas de saúde, como ovários policísticos, que podem alterar e até mesmo acabar com a ovulação. Esses casos devem ter o acompanhamento médico.

Por fim, nos diga se restou alguma dúvida. Para receber mais dicas sobre gravidez e cuidados com os bebês, nos siga nas redes sociais. 

Já conhece a nossa loja? É a Kid’s Brasil, o maior site de roupas importadas para bebês e crianças. Acesse: www.kidsbrasil.com.br  e confira nossos lindos modelos.

0 Gostei
0 Não gostei

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *