Veja como fazer o desmame noturno

Desmame noturno

Desmame noturno é uma das etapas para reduzir a quantidade de mamadas do bebê

A amamentação é de grande importância para o desenvolvimento do bebê. Porém, principalmente quando ele já está crescido, amamentar à noite se torna algo cansativo para as mães. Por isso, muitas optam por fazer o desmame noturno, um processo que deve ser gradual.

Contudo, é importante lembrar que essa tática só pode ser feita para as crianças maiores de seis meses. Até essa idade, a Organização Mundial da Saúde (OMS) orienta que a amamentação seja exclusiva e, de preferência, por livre demanda, ou seja, sempre que o bebê desejar.

Isso tem um motivo: nos primeiros meses de vida, o pequeno mama em pouca quantidade. Assim, as mamadas devem ser mais frequentes. Além disso, ele não sabe diferenciar o dia e a noite e ainda está se acostumando com a vida fora do útero, um lugar em que era nutrido constantemente. 

Então, para ajudar as mamães nesse assunto que gera muitas dúvidas e também angústias, separamos as informações e dicas mais importantes.

Não existe uma idade ideal para o desmame noturno

Como afirmado anteriormente, o desmame noturno deve ser feito somente após a criança completar seis meses. Todavia, depois disso, não há idade certa em que todos os bebês precisam parar de mamar à noite.

O orientação é perceber se a introdução alimentar está estável e se come bem no decorrer do dia. Dessa forma, a criança não precisará de muito alimento durante a madrugada. Algumas, inclusive, diminuem por elas mesmas a quantidade de mamadas nesse período, pois o sono se torna mais importante do que a nutrição.

Desmame noturno com um objeto de transição
Um ursinho ou outro brinquedo pode acalmar o bebê durante à noite

Verifique se é realmente fome

Quando a necessidade de alimento à noite é pouca, mas o bebê continua acordando, há a possibilidade de que ele queira mais o aconchego da mãe. 

A dica para perceber isso é, quando ele chorar, apenas embalar no colo ou até mesmo dentro do berço. Caso ele durma rápido, não era fome. 

Também é possível diferenciar essa situação pelo tipo de mamada. Quando há fome, o bebê irá mamar por, ao menos, cinco minutos. Porém, se ele apenas deseja conforto para voltar a dormir, o tempo é menor.  

Caso você perceba que o seu filho somente quer o seu colo, uma dica para amenizar a situação é ter o chamado “objeto de transição”. Trata-se de um bichinho de pelúcia ou até mesmo uma fralda com que o bebê tenha apego. Também é interessante que esse objeto tenha o seu cheiro. Dessa forma, deixe ele dentro do berço para que a criança consiga sentir seu aroma e se acalmar sozinha. 

A mamada dos sonhos

Quando o bebê realmente sente fome, uma tática utilizada pelas mamães é a “mamada do sonho”. Esta é a última amamentação da noite, geralmente realizada às 23h, que tem como objetivo fazer com que a criança fique alimentada por mais tempo e, consequentemente, acorde menos durante a madrugada. 

Porém, o diferencial dela está no fato de que deve ser feita com o bebê dormindo ou sonolento, sem que ele acorde pedindo para mamar. 

Acabe primeiro com as mamadas do começo da noite

Outra dica para o desmame noturno é, no começo, retirar as mamadas do começo da noite e madrugada, como as de 00h e 2h. Isso porque o bebê está com o sono mais pesado nesse horário e ainda nutrido com a alimentação que teve antes de dormir. Dessa forma, é mais fácil acalmá-lo sem precisar oferecer o seio ou até mesmo a mamadeira.

Já quando as amamentações do fim da madrugada são mais difíceis de parar, pois o bebê pode estar mesmo com fome e também está em um ciclo do sono mais leve.

Todavia, o desmame noturno é um assunto que deve ser tratado com o pediatra. O especialista irá orientar a melhor forma de realizar esse processo sem prejudicar a nutrição e o bem-estar do bebê.

Agora, nos diga se restou alguma dúvida sobre esse assunto. Também compartilhe esse material com as amigas que estão passando por essa fase.

0 Gostei
0 Não gostei

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *