Veja os principais incômodos do terceiro trimestre de gravidez

Terceiro trimestre

Infelizmente, o terceiro trimestre de gravidez exige paciência e cuidados com alguns problemas

Muitas mamães relatam que o terceiro trimestre de gravidez é o que mais demora a passar. Apesar de ter a mesma quantidade de meses do que os outros, é nele que a ansiedade por conhecer o bebê está maior. Entretanto, essa fase também é conhecida pela série de desconfortos que proporciona às mulheres.

A maioria desses problemas é causado pelo aumento de peso do bebê e, consequentemente, o volume da barriga. Afinal, no começo do sétimo mês, o feto costuma pesar cerca de 1,5 quilos. Já no final da gestação, o peso normal é de três a até quatro quilos.

Assim, tarefas cotidianas como se abaixar para pegar um objeto, calçar os sapatos e até dormir ficam mais complicadas. Por isso, veja quais os principais incômodos dessa fase e como melhorá-los: 

Dor lombar no terceiro trimestre de gravidez
A dor lombar é uma reclamação comum nos últimos meses de gravidez

Dores na lombar

A dor mais comum no terceiro trimestre de gravidez é aquela que afeta as costas, principalmente a região da lombar. A causa disso é o tamanho do útero que pressiona a região.

Além disso, também é comum a gestante sentir dores na pélvis e a sensação de que a bacia está “se abrindo”. Isso nada mais é do que o processo de encaixe do bebê, já se preparando para o parto

Para amenizar esses problemas, a dica é simples: descansar. Também é possível realizar massagens e compressas de água quente na lombar. Todavia, não é aconselhável ingerir medicamentos sem a prescrição do médico que acompanha a gravidez. 

Inchaços

Os inchaços nas pernas e pés podem existir desde os trimestres anteriores da gravidez. Entretanto, costumam piorar no terceiro. O motivo também está no fato do tamanho do útero, que pressiona as veias dos membros inferiores, o que dificulta a circulação sanguínea. 

Para esse problema, o ideal é não permanecer muito tempo em pé. Caso seja permitido, é interessante realizar exercícios físicos. Além disso, não ingerir alimentos que contenham muito sódio e se hidratar bem são atitudes que ajudam a amenizar o quadro. 

Banner BlogPowered by Rock Convert

Falta de ar

O diafragma também é pressionado pelo volume do útero. Por isso, é comum que as grávidas sintam falta de ar depois de atividades simples. 

Porém, caso note que esse problema esteja excessivo, o recomendado é conversar com o médico. Ele poderá avaliar se a situação é normal ou não. 

Azia terceiro trimestre de gravidez
Manter uma alimentação equilibrada ajuda a amenizar a azia

Azia no terceiro trimestre de gravidez

Outro incômodo que volta a aparecer no final da gravidez é a azia. Trata-se da sensação de queimação no estômago e garganta.

A explicação para isso está no fato de que todo o processo de digestão é mais lento durante a gestação. Com isso, os músculos do estômago ficam mais relaxados e o suco gástrico sobe para o esôfago.

Com uma alimentação saudável é possível amenizar esse incômodo. Cardápios que contenham maçãs, vegetais cozidos, leite e limonada também ajudam. Ademais, a orientação é não ficar muito tempo sem comer e não ir dormir logo após as refeições. 

Dificuldade para dormir

Por fim, uma reclamação muito comum no terceiro trimestre de gravidez é a dificuldade para dormir. Afinal, não é fácil encontrar uma posição confortável para se deitar com toda a barriga dessa época. 

Portanto, o mais orientado pelos especialistas é dormir virada para o lado esquerdo. Dessa forma, o peso do bebê não comprime a veia cava e não atrapalha a oxigenação para ele e para a mãe. 

Também é interessante usar um travesseiro a mais na cabeça, a fim de facilitar a respiração. Outro entre as pernas faz com que o quadril fique melhor encaixado. 

Contudo, caso algum desses problemas esteja incomodando muito, não é preciso ter receios de conversar com o médico. O especialista poderá indicar soluções para ter um final de gravidez mais tranquilo.

Conheça a nossa loja! É a Kid’s Brasil, o maior site de roupas importadas para bebês e crianças. Acesse: www.kidsbrasil.com.br e confira nossos lindos modelos.

2 Gostei
0 Não gostei

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *