Introdução alimentar: conheça os nutrientes essenciais

introdução_alimentar_nutrientes_essenciais

Alguns nutrientes devem estar sempre presentes para que a introdução alimentar seja saudável

O crescimento do bebê durante o primeiro ano de vida é impressionante: o peso irá triplicar, a altura aumentará mais de 20 cm e, o que antes era um bebê que dormia a maior parte do dia, se tornará um curioso que quer descobrir tudo ao seu redor. Contudo, para todas essas mudanças acontecerem, a introdução alimentar e os nutrientes oferecidos com ela têm um papel fundamental.

Porém, é importante lembrar que a amamentação também é essencial para o desenvolvimento do seu bebê e ela deve ser exclusiva durante os primeiros seis meses de vida, segundo recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Assim, para ajudar as mamães que querem deixar seus filhos cada vez mais saudáveis, listamos os nutrientes que não podem faltar na introdução alimentar. Confira:

Não deixe de fora os alimentos com ferro

O ferro é um nutriente de extrema importância na introdução alimentar dos bebês. Ele é responsável pela produção de glóbulos vermelhos do sangue e pelo desenvolvimento cerebral. Com isso, evita-se anemias, problemas neuropsicomotores e enfraquecimento do sistema imunológico.

Alguns alimentos que contêm ferro são: brócolis, espinafre, couve, carne vermelha, aveia coentro, beterraba e agrião.

Cálcio na introdução alimentar

O nutriente auxilia no fortalecimento de ossos e dentes. Apesar do leite ser a fonte de cálcio mais conhecida, ele também está presente na acelga, espinafre, ameixa, manjericão, feijão preto e brócolis.

Introdução alimentar com muitas proteínas

As proteínas são nutrientes essenciais para várias funções do corpo. Por exemplo, regulação do sistema circulatório, desenvolvimento de articulações e cartilagens, fortalecimento da imunidade e crescimento de cabelos e unhas.

No entanto, a boa notícia é que as proteínas são fáceis de serem acrescentadas na introdução alimentar, pois estão presentes em vários alimentos. Elas podem ser de fontes animais, como carne bovina, frango e peixe, ou de fontes vegetais, como feijão, arroz, abacate, caju e batata.

Não se esqueça dos carboidratos na introdução alimentar

Para o seu bebê brincar e aprender diversas coisas novas, ele precisará de muita energia. Essa é a função dos carboidratos. Por isso, inclua esse nutriente sempre na introdução alimentar. Você pode encontrá-lo na cenoura, chuchu, batata, macarrão, abobrinha, mandioquinha e inhame, entre outros alimentos.

Atenção ao zinco na alimentação do bebê

Esse nutriente pode não ser muito lembrado, mas deve estar na introdução alimentar. Ele é responsável pelo bom funcionamento do sistema nervoso e imunológico do bebê. Mais do que isso, o zinco também forma uma barreira invisível na pele que protege de lesões. A falta desse mineral causa perda de peso e apetite, oscilações de humor, retardo no crescimento e alterações na visão.

Assim, o zinco pode ser encontrado na abóbora, trigo, carne vermelha, feijão, queijo, ovo, espinafre etc.

Vitamina D na introdução alimentar

A vitamina D é uma aliada do cálcio no fortalecimento dos ossos. Assim, é o nutriente que evita o raquitismo. Ademais, melhora o fluxo sanguíneo, reduz o risco de hipertensão e diabetes, além de, consequentemente, diminuir a incidência de doenças cardíacas.

Esse nutriente existe em alimentos como salmão, ovo e cereais. Contudo, também não se esqueça da exposição diária do bebê ao sol. Algumas recomendações determinam o período de 5 a 30 minutos duas vezes por semana. Porém, procure o pediatra para orientações mais precisas para o seu bebê.

Inclua também a vitamina A na introdução alimentar

Muito conhecida por proteger a saúde dos olhos, a vitamina A também fortalece o sistema imunológico, auxilia no desenvolvimento do sistema nervoso e previne doenças cardiovasculares.

Você pode utilizar a cenoura, manga, melão, acelga, ameixa, tomate e abacate como fontes de vitamina A na introdução alimentar do seu bebê.

Introdução alimentar - ameixa com nutrientes essenciais

Vitaminas do complexo B

As vitaminas do complexo B têm como principal função a manutenção do bom funcionamento do metabolismo energético. Acrescenta-se a isso a proteção de células sanguíneas e nervosas, além da produção do DNA.

Assim, acrescente carne bovina, frango, ovo, brócolis, couve, espinafre e ervilhas na introdução alimentar do seu filho.

Muita vitamina C na introdução alimentar do bebê

Muito conhecida pelo fortalecimento do sistema imunológico e, com isso, a prevenção de doenças, a vitamina C também é fundamental para a absorção de ferro. Assim, ela evita anemias e outras doenças causadas pela falta desse nutriente.

Por isso, adicione ao cardápio de introdução alimentar do seu pequenonas seguintes frutas: goiaba, laranja, acerola, manga e melão.

Tem alguma dúvida sobre esse assunto? Escreva para a gente aqui nos comentários. Também não se esqueça de nos seguir nas redes sociais e saber mais sobre o mundo da maternidade.

0 Gostei
0 Não gostei

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *